O Programa Aventura Segura, do Ministério do Turismo , objetiva mobilizar e estruturar 15 GVBS nos destinos definidos como prioritários. A criação dos GVBS auxiliará no fortalecimento dos sistemas de segurança que apóiam as atividades do Turismo de Aventura no país.

Os GVBS contarão com assessoria jurídica durante o seu processo de formação. A finalidade é formalizar a atuação desses grupos e torná-los um “braço de apoio” da Defesa Civil. Para isso, será implementado um processo estruturado de assessoria de organização, através de realização de oficinas de mobilização e alinhamento de intenções e planejamento.

Os coordenadores de cada GVBS participarão de um curso onde aprenderão sobre questões organizacionais e fundamentos de busca e salvamento. Nos destinos, serão realizados cursos técnicos de busca e salvamento, específico à realidade local e ao tipo de ambiente existente em cada região.

Criar condições seguras para a prática das atividades de Turismo de Aventura nos pais é um dos objetivos do Programa de Aventura Segura, e os Grupos Voluntários de Busca e Salvamento assumem a responsabilidade de implementar iniciativas para a prevenção de acidentes, sendo uma das ferramentas para o fortalecimento de sistemas de segurança nos destinos.

 

 

apoio: